As novidades do Código Brasileiro de Trânsito

Nosso trânsito, assim como nossa vida sofre transformações com as inovações tecnológicas e com a evolução da sociedade. E assim como as relações entre as pessoas e empresas, essas mudanças exigem que a legislação se adapte e traga novas regras.

USO DO CELULAR PELO MOTORISTA

celular volanteSegundo pesquisas, o uso do celular no volante tem sido um dos grandes responsáveis pelos acidentes de trânsito. Quem de nós nunca espiou as redes sociais, respondeu uma mensagem, mandou um whatsapp enquanto estava dirigindo? Pois é… agora temos mais um incentivo para que esses gestos se tornem cada vez menos frequentes. Além do risco ao qual nos expomos, podemos sofrer no bolso também, uma vez que a multa de trânsito passou a ser mais severa. A partir de 05/11/2016 a multa será de R$293,47 ( duzentos e noventa e três e quarenta e sete centavos) e a pontuação será de 05 pontos  . A infração que antes era considerada média passa a ser gravíssima.

Fale assistir esse vídeo para que a gente se lembre das possíveis consequências de uma espiadinha no celular no trânsito.

USO DE FARÓIS NAS RODOVIAS

Outra novidade visa a melhoria da visibilidade dos carros de outros veículos na pista contrária, e para isso, a Lei 13/290/2016 altera o Código Trânsito Brasileiro, tornando obrigatório o uso de farol baixo nas rodovias.

 A não observância dessa regra gera multa de R$85,13 (oitenta e cinco reais e treze centavos) e 04 pontos na Carteira de Habilitação.

Não se descuide e já vá colocando em prática para evitar a multa, assim já será parte de seus hábitos até o dia 07/julho/2016, data em que a alteração passa a vigorar.

Dirigir sem CHN, com a carteira suspensa, vencida ou de categoria diferente do veículo conduzido

A partir de nov/2016, o veículo deixa de ser apreendido e passa a ser retido até a apresentação de um condutor habilitado.

Vagas de idoso e deficiente

Estacionar nessas vagas sem o cartão de identificação adequado passa a ser infração gravíssima, com apreensão do veículo.

Teste do bafômetro

Quembafometro se recusar a fazer o exame do bafômetro ou outro exame clínico de embriaguez comete uma infração gravíssima. A multa é de 10 vezes o valor da infração gravíssima (R$ 2.934,70), que pode ser multiplicada por dois (R$ 5.869,40), em caso de reincidência 12 meses após a primeira infração. O motorista tem a CHN suspensa por um ano.

Acidentes com vítima

Nos casos em que o motorista for condenado a pena alternativa pela Justiça, ele deverá cumprir a pena obrigatoriamente em unidades dos corpos de bombeiros ou unidades de saúde que recebam vítimas de acidentes de trânsito.

Fechamento de vias:

Segue como infração gravíssima, mas com punição que pode chegar a 60 vezes o valor da multa gravíssima (R$ 17.608).

Por isso, fique atento a mais essas regras de trânsito e cuide da sua segurança e dos demais.

Fonte imagens:

www.gsserigrafia.com.br

www.estadao.com.br

vsfdquimica.blogspot.com

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s